domingo, 4 de maio de 2008

Clássica Guerra Entre os Cursos...

Pode ser que isso nunca tenha acontecido dessa maneira mas, conta se que aconteceu numa faculdade quando os alunos homens do curso de Direito resolveram colocar uma frase popular entre eles nas camisetas do grêmio estudantil. Não demorou muito e a camiseta virou moda na universidade:
“Seu namorado não faz Direito? Vem cá que eu faço!”

Os alunos da Medicina, vendo a repercussão da novidade, não deixaram por menos e também criaram uma camiseta. E a resposta veio em tom provocativo:
“Ele pode até fazer direito, mas ninguém conhece o corpo de uma mulher melhor do que eu.”

Pronto. Foi o que bastou para que outros cursos aderissem à moda e também lançassem seus manifestos em forma de vestimenta. Os alunos de Administração vieram na sequência:
“Não adianta conhecer o corpo e fazer Direito se não Administrar a coisa corretamente!”

O pessoal da Agronomia apelou para seus conhecimentos mais básicos e mandou essa:
“Uns conhecem bem, outros fazem direito, e alguns sabem administrar, mas plantar a mandioca como nós ninguém consegue!”

A corrente de propaganda não parava mais. O movimento crescia a cada dia, e as respostas eram mais ousadas e provocativas. Cada curso queria demonstrar que o conhecimento seria bem aplicado após a formatura. E então, os alunos de Publicidade entraram no jogo:
“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar e plantar a mandioca se depois não puder contar pra todo mundo?”

O Campus estava em polvorosa. Cada nova frase era combustível para que outros cursos formulassem também suas provocações. Os engenheiros, ou futuros engenheiros, não podiam faltar.
E responderam:
“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, e poder contar pra todo mundo, se não tiver, fôlego, capacidade, energia e potência para fazer varias vezes?”

Chegaram a cogitar o fim do episódio. O que poderia ser criado além da frase da Engenharia? Mas novamente os criativos de plantão saíram com uma nova provocação. Justamente de um curso que parecia não entender muito de mulher, os alunos da Economia fizeram o que por um tempo foi considerada a frase campeã:
“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, poder contar pra todo mundo, ter energia e potência para fazer várias vezes se mulher gosta mesmo é de dinheiro?”

Parecia o fim da disputa. Outros cursos pensavam e pensavam, mas não conseguiam derrubar a frase da Economia. Alguns dias se passaram sem que nenhum outro curso lançasse sua camiseta. Quando todos pensavam que aquele era o capítulo final da história, eis que de modo impressionante as meninas da Nutrição lançaram a frase derradeira:
“De que adianta fazer direito, conhecer o corpo, saber administrar, plantar a mandioca, contar pra todo mundo, ter potência para várias vezes e dinheiro, se no final das contas: A gente tem sempre que ensinar a comer?

Será que realmente foi o fim? Se você conhece outro final deixe um comentário e entre nessa estória...


Não perca mais tempo receba as postagens do RMX News direto no seu e-mail

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...